MFIT Pay: Como criar cobranças para meu aluno?

Gerenciar alunos na MFIT Personal pode ser fácil. Entretanto, dúvidas sempre surgem a respeito de como organizar o processo de cobrança deles. Nesse material, iremos te mostrar um passo a passo de como efetuar a configuração do seu MFIT Pay. Por exemplo, como criar planos com cobranças mensais para alunos. Você saberá também como receber o seu dinheiro sem estresse.

Vamos lá!

Provavelmente você já deve ter cadastrado o seu aluno na plataforma.  Agora, iremos iniciar um plano ou cobrança para seu aluno. Lembrando que cada aluno tem seu próprio plano e suas cobranças. Nesse sentido, você sabe o que cobra e recebe de cada um, também quem pagou ou não.

Configuração do MFIT Pay

O primeiro passo para configurar o seu MFIT Pay é acessando o seu menu de cliente e clicar em planos e cobranças.

Menu do professor - MFIT Personal
Menu do professor – MFIT Personal

Após clicar em Planos e Cobranças, o sistema irá te direcionar para outra tela, no qual você irá acessar o recurso do MFIT Pay.

Ao clicar no bloco do MFIT (demarcado acima), você é direcionado para as instruções de uso deste recurso. Leia atentamente cada item e prossiga para configuração do seu MFIT Pay.

Após ler as instruções, clique em ativar agora mesmo.

Você será direcionado para a primeira tela de configuração do recurso, devendo prestar muita atenção nessa etapa. Todavia, certifique que seus dados estão corretos, pois não é possível alterar essa etapa após finalizar a configuração.

IMPORTANTE: O titular do cadastro deve ser você.

Na configuração que compete a datas, no qual você usa esse bloco similar a um calendário, basta clicar no ano para localizar o período o qual você deseja usar. Inserimos um exemplo, no qual buscamos a data de 1995. Ou seja, basta clicar no valor que corresponde ao ano e localizar onde está a sua data correspondente. Utilize as setas localizadas em cada extremidade para avançar ou retornar entre períodos de seleção dos anos. Depois que selecionar o ano, selecione  em sequência o mês e o dia.

Após terminar seu cadastro e conferir os dados, salve e prossiga para a segunda etapa de configuração. Agora, iremos configurar a conta bancária que será usada para recebimento dos pagamentos dos alunos, DEVENDO ESTAR EM NOME DO TITULAR DA CONFIGURAÇÃO ANTERIOR, OU SEJA, DO PROFESSOR.

Seu MFIT Pay está configurado.

Agora, fique atento as informações que o sistema irá te mostrar assim que fechar a aba da imagem abaixo. Ele irá mostrar o que cada recurso faz.

A aba que irá aparecer para você após configurar o MFIT Pay é o painel pelo qual você irá ver quantas cobranças de alunos estão abertas, quando tem para receber, o que transferiu para sua conta e informações sobre taxas, configurações para receber pagamentos de alunos e etc.

Importante destacar que no mesmo local o professor define se habilita pagamentos em cartão e também aceita pagamentos atrasados. Fica a critério do professor. Podendo liberar pagamentos atrasados ou bloquear para ajustar valores com juros, etc.

Lembrando que essa é a fase de configuração para ativar o recurso. Agora, cada aluno pode receber cobranças e pagá-las da forma que o professor configurar para ele, que é o nosso próximo passo.

Criando planos e cobranças para os meus alunos

Após ter seu MFIT Pay configurado para gerar cobranças e receber pagamentos, agora é preciso criar o plano para que o aluno possa pagar essas cobranças. Portanto, vamos aos passos necessários.

O primeiro passo para criar um plano para um aluno é indo na área de planos e cobranças dele, como exibe a imagem a seguir.

Clique e acesse a área de Planos e cobranças, no no qual ela irá te direcionar para a próxima etapa.

Na imagem, é possível ver o dashboard de controle financeiro do aluno. Preste bastante atenção no tutorial exibido aqui após a configuração. Nele, você sabe o quanto tem a receber, quanto está em aberto e o quanto foi recebido em todo um ano referente a esse aluno.

Nesse mesmo local, você irá clicar em + Plano, conforme sinalizamos na imagem. Acesse o botão indicado e prossiga para a próxima etapa.

Nesse campo, você irá criar um plano para seu aluno, definindo o escopo das cobranças a serem realizadas dentro deste plano. Você tem a opção de criar um plano com apenas uma cobrança, cobranças mensais ou nenhuma cobranças – apenas para ter um controle do período que vai o acesso do aluno.

Ao selecionar uma cobrança única, o sistema muda os campos para configuração na qual ele irá cobrar o aluno somente uma vez na data de vencimento estabelecida. Isso é útil para, por exemplo, alunos que pagam a vista ou adiantam pagamentos dos outros meses.

No pagamento mensal, como está configurado na imagem, o professor cria cobranças mensais para o aluno, no qual dentro do período do plano, em cada mês, ele será cobrado o valor que foi configurado no campo desta sessão e no dia estabelecido para vencimento.

IMPORTANTE: Mesmo com o MFIT PAY configurado, é necessário deixar a cobrança habilitada com ele. Assim o sistema entende que essa cobrana será automatizada com o recurso da MFIT PAY.

Depois que preencher todos os dados do plano, clique em salvar, e pronto, o plano do aluno foi criado.Para saber se ele pagou ou não na data, basta ir ao seu dashboard e verificar no painel os valores, se tem em aberto ou pago.

Outro ponto importante é que se o professor não quiser criar um plano para o aluno, pode apenas lançar uma cobrança avulsa para ele, por exemplo, clicando no painel em + criar cobrança.

Mas meu aluno não pagou, e agora?

Caso seu aluno não tenha pago a cobrança no dia estabelecido, basta acessar o menu do aluno, planos e cobranças, localizar a cobrança clicar em “detalhes”, bem como mostra a figura.

A cobrança em detalhe pode ser reaberta, editando valor, data e outras características, ou seja, o professor pode colocar juros, dependendo do que foi acordado com o seu aluno.

Meu aluno pagou, e agora?

Depois de um período o valor pago será disponibilizado na MFIT, sendo assim, basta ir no seu menu de planos e cobranças, clicar em MFIT Pay e depois em transferência.

Depois basta selecionar a conta bancária cadastrada e solicitar a transferência. Leva alguns dias uteis até cair na sua conta.

Não quero ativar o MFIT Pay, mas quero cobrar meus alunos, como faço?

Você pode criar apenas um recibo de pagamento para seu controle pessoal. Basta, ao criar uma cobrança, deixar a opção de habilitar o MFIT Pay DESATIVADA. Ai você pode marcar como aberta ou paga, mantendo o registro de pagamentos.

No entendo, o aluno deve pagar diretamente para você, seja por transferência, deposito, em mãos, etc. O recibo fica na sua área de planos e cobranças, podendo ser impresso, assinado pelo professor e enviado ao aluno.



Por que ativar o MFIT Pay?

Ao ativar o MFIT Pay você automatiza o processo de cobranças dos seus alunos, ganhando mais agilidade na sua rotina de trabalho.

Hoje em dia, velocidade e praticidade são elementos muito importantes para qualquer profissional. A MFIT acompanha as necessidades e entrega o melhor para facilitar o seu trabalho.

Ficou alguma dúvida? Fale com nossa equipe.

Confira mais materiais como esse em nosso canal do YouTube! Acesse clicando no link abaixo:

Acesse o canal no YouTube

E não esqueça de acompanhar nossa jornada de aprendizado aqui no blog!

Acesse a Jornada de Aprendizado
(Visitado 592 vezes, 1 visitas hoje)

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.